Panorâmica São José dos Campos FaceBook do POrtal São José Twitter do Portal São José
Home | Cadastre sua Empresa | Acessos | Créditos                               Segunda, 23 de Setembro de 2019
Acesso à página principal
Logotipo Portal São José



  • Envie uma mensagem para Marcia Pavarini...
  • Outras matérias já publicadas...


    Turcomenistão: Castelos de Areia - Parte II
    Textos e fotos Márcia Pavarini

    Postado em 13/07/2006

    Para ver toda a Galeria de fotos desta viagem, clique aqui!


    Na edição TURCOMENISTÃO PARTE I você viu que essa ex República Soviética é um manancial de gás natural e de reserva petrolífera e que o governo entre, outras coisas, propicia regalias à população que não paga água, luz, sal e gás de cozinha e que também a gasolina é a preço de banana. Viu, ainda, que o contraste geográfico entre as planícies desérticas e a cadeia de montanhas proporcionam intrincados desafios aos visitantes. Conheceu um pouco sobre a charmosa capital Ashgabat que possui canteiros floridos por toda parte que justificam o nome de “cidade do amor”.

    Nesta edição você vai conhecer uma civilização de 6.000 anos cujos ossos ainda jazem em covas ao ar livre. Vai atravessar comigo o escaldante deserto negro de Karakun, descobrir qual é a maior jóia do Mar Cáspio e, por fim, dar uma volta no colorido bazar TOLTUCHKA em pleno deserto.



    TESOUROS DO DESERTO


     

    E a 400 quilômetros da capital, à margem do deserto de Murgab fica um dos maiores tesouros da humanidade: o sítio arqueológico de MARGUSH. São ruínas de uma cidade datada de 6.000 anos, revelando uma civilização organizada pela hierarquia, seus costumes, rituais funerários e zoroastras (adoradores do fogo), a remota tecnologia da fabricação da cerâmica e seus famosos cemitérios com esqueletos nas covas ao ar livre, em perfeito estado de conservação.



    Dentes de um esqueleto de uma jovem mulher, datados de 2300 a.C

    Esta é a única civilização conhecida que mantinha o costume de enterrar o cavalo junto ao corpo do líder.



    Seguindo a oeste, pelas escaldantes areias do Karakum, visitei a antiga cidade de MERV, um viçoso oásis no coração do deserto. 
    Situado às margens do rio Murgab, a cidade de MERV é uma das mais antigas regiões do da Ásia Central, onde foi desenvolvido um fabuloso sistema artificial de irrigação que abastecia não só a população, mas também as caravanas de mercadores sedentos.


    Cisterna subterrânea de Merv


    Atravessando o inferno

    Em meio ao sufocante deserto negro de KARAKUN, com redemoinhos de areias escaldantes, segui 500 quilômetros para o extremo oeste do Turcomenistão, em direção ao mar Cáspio, com Merdám, meu guia, e Igor o motorista russo. O calor emanado do solo fazia flutuar uma camada de ar quente tremulante dando-me a impressão de estar sobre o vapor dos caldeirões do inferno. Bandos de camelos cruzam calmamente a estrada, desafiando a paciente espera dos motoristas,  advertidos a respeitar o trânsito dos vagarosos animais.

    Pela primeira vez presenciei o fenômeno que acontece nas planícies desérticas, onde a ilusão ótica nos faz ver água onde ela não existe. A ilusão torna-se tão real que se vê o reflexo de um camelo de verdade na água que é apenas uma miragem.

     

    Ao longo da rudimentar estrada que corta o deserto, mulheres nômades vendem leite de camelo, ou melhor, de “camela” em garrafas de coca-cola. O leite de camelo é um excelente revigorante e hidratante, ele aplaca a fome e a sede dos nômades que atravessam o causticante deserto. Durante o verão, as temperaturas do deserto de Karakun atingem a marca dos 70ºC.


    Igor me prepara um nescafé no deserto


    Veja quem veio nos fazer companhia: uma Naja!


    Jóias do Mar Cápio

    Nas profundezas do Mar Cápio que banha o país, ficam as espécies de peixe mais cobiçadas do mundo: os Esturjões, que produzem o CAVIAR, ovas de peixe a preço de ouro. Fui ao mercado local conhecer o bichinho e degustar suas preciosas ovas.


    Caviar: Beluga e Cevruga

     

    Mercado Toltuchka: onde se vende desde comida a camelos

    Esparramado por vários acres no deserto próximo à cidade, fica o TOLTUCHKA BAZAR, também chamado de “Sunday market” ou mercado de domingo. Na colorida e movimentada feira do TOLTUCHKA, praticamente toda a população vem comercializar seus produtos às quintas, sábados e principalmente aos domingos.

    O Bazar a céu aberto vende desde alimentos até animais como: cabras, camelos, bois e ainda, antiguidades, tapetes, jóias amuletos, tecidos e outros bichos. Os coloridos tapetes são estendidos na areia ou pendurados em prateleiras improvisadas, formando um turbilhão de cores.


    Eu, com um chapéu de pele de carneiro, típico da região do Cáucaso


    O Chapéu "faz a cabeça" dos nômades turcomanos


    COMO VISITAR O TURCOMENISTÃO
    Entrar em contato com
    AYAN – TOURISM & TRAVEL COMPANY
    108-2/4 Magtumguly Ave.
    Ashgabat, Turkmenistan 744000
    Tel: (+ 993 12) 352914, 350797
    Fax: (+ 993 12) 393355
    Email:
    ayan@online.tm
    Website: www.ayan-travel.com

    Obs: Os vistos devem ser requeridos no aeroporto do país.

    Clique aqui e veja toda a Galeria de fotos desta viagem
    Clique aqui para ver a Parte I desta matéria


  • Peru - Linhas de Nazca: Enigmas de uma Civilização Avançada

    Márcia Pavarini
    Ao longo de vários anos Márcia Pavarini percorreu o mundo viajando por todos os continentes e até aos Pólos. Foi anotando suas aventuras em diários que, hoje, perfazem aproximadamente 5.000 páginas. Ela esteve, até agora, em 240 países, de acordo com o critério de contagem da Travelers Century Club TCC. Na Coluna “Diário das 1001 Viagens” Márcia Pavarini divide com os internautas, do Portal, as experiências vivenciadas durante suas andanças.

    + Dicas do Portal
    Imagem Pacote dia da Criança e Nossa Senhora Aparecida: Vale do Sonho Hotel, em Guararema!
    + Espaço do Consumidor
    Imagem Locador de imóvel reclama a imobiliária de São José dos Campos o pagamento do IPTU atrasado
    + História
    Imagem Fotos eclipse. Por Hind Nader Elkhouri
    + Imigração Libanesa
    Imagem Fuad Cury
    + Matérias
    Imagem Obra sobre a arquitetura moderna joseense comemora 20 anos. Veja fotos antigas da cidade
    + Museu do Comércio e Indústria
    Imagem Alpargatas
    + São José Solidária
    Imagem Associação Educacional para Crianças Especiais Bem-Te-Vi
    + Seção Saúde
    Imagem Efeito benéfico do lítio observado em idosos com Alzheimer começa a ser desvendado

     
    Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2005 - Todos os direitos reservados