Vista do Villa Branca Website Portal Jacareí Fanpage Portal Jacareí
Home | Cadastre sua Empresa | Créditos                                                                              Quinta, 2 de Julho de 2020
Logotipo Portal Jacareí
Acesso à página principal


Criação e
Desenvolvimento



Tel. 12 3923.4600
Av. Dr. Mário
Galvão, 78
Centro - SJC/SP
12209-004
BUSCA DE EMPRESAS NO PORTAL >>  
Acesse também: São José dos Campos
O conteúdo publicado não expressa necessariamente a opinião do Portal e é de total responsabilidade do autor.

Gastos com tecnologia devem crescer 3,3% na AL em 2016, segundo IDC

( Caderno: Tecnologia )

Instituto ainda divulgou mais dez previsões para o setor de tecnologia na América Latina nos próximos cinco anos
AmericaLatina_550_21O IDC, instituto de consultoria para o mercado de Tecnologia de Informação e Comunicação (TIC), divulgou suas dez previsões a respeito dessa indústria sobre a América Latina e aponta para um crescimento de 3,3% dos gastos com tecnologia em 2016. Para Ricardo Villate, vice-presidente do IDC América Latina, o principal desafio que as companhias da região estão enfrentando é a alta do dólar, que devem impulsioná-las a buscar mais eficiência em suas operações.
Na opinião dele, a inovação não é apenas uma estratégia de produto ou serviço, é a estratégia da América Latina, necessária para não perder a relevância em um ambiente de mudanças constantes. “O método para a voltar ao crescimento é preparar as companhias para ter êxito na economia de transformação digital”, diz o executivo.
Veja a seguir as principais tendências de tecnologia que impactarão as empresas da região a partir de 2016:
– Em 2017, um em cada três CEOs da 3 mil companhias mais grandes da região, colocarão a transformação digital como base de sua estratégia corporativa: segundo o IDC, 26% dos CIOs de grandes empresas estão iniciando seu “caminho digital” em 2016. Para este ano, o instituto estima gastos de US$ 4,5 bilhões de dólares com TI, motivados por iniciativas de transformação digital na região.
– A carga de trabalho motivará mais de 40% dos investimentos em infraestrutura de TI em 2018: as aplicações de capital em soluções na nuvem estão crescendo muito mais rápido que as de arquiteturas tradicionais, mostrando que o mercado de hardware empresarial está em declínio. Para ilustrar o caso, o IDC aponta que os investimentos em redes definidas por software (SDN) cresceram mais de 50% em 2016.
– Em 2018, mais de 40% do gasto das empresas com TI será baseado em soluções na nuvem: a virtualização ganhou tanta importância que o instituto afirma que, em 2016, os serviços de cloud pública e privada cresceram 40%, chegando a US$ 3,6 bilhões na região. Além disso, o IDC aponta que metade dos gastos das empresas com TI será com esse tipo de tecnologia em 2020.
– Em 2016, 45% das companhias da América Latina contarão com uma estratégia de mobilidade: até agora, as empresas tem se concentrado nas pessoas e nos dispositivos móveis quando se fala em mobilidade. O próximo passo é alinhar os processos organizacionais (marketing, serviço ao cliente, suporte técnico, etc) ao ecossistema da indústria (provedores, clientes, etc), trazendo os benefícios da mobilidade como base. O IDC afirma que a participação de diversos grupos dentro das organizações será cada dia mais integrada.
– Serão vendidos mais de 14 milhões de dispositivos híbridos na região este ano: com a adoção massiva dos smartphones com telas acima de 5.5 polegadas (conhecidos como phablets), as companhias tem que pensar nos usos produtivos que esses dispositivos trarão aos seus empregados, que estarão sempre conectados. Segundo o IDC, uma em cada duas empresas da região permitem o uso de dispositivos no ambiente de trabalho (BYOD), devendo ser necessário uma estratégia para fazer o melhor uso da tecnologia.
– Em 2016, 30% das companhias de varejo e produtos de consumo investirão na nuvem para crescer no e-commerce: o IDC estima que mais de 55% da população latino-americana estará conectada em 2016, gastando mais de US$ 68 bilhões em compras online. Para o instituto, o e-commerce não será mais um diferencial, mas um fator de sobrevivência.
– Até o fim de 2016, quase metade das empresas estarão implementando estratégias de segurança de próxima geração (soluções otimizadas para trabalhar com a nuvem): cerca de sete em cada dez empresas da região afirmam estar em processo de implantação de NGS (Next Generation Security, em inglês), e uma dessas sete não terão êxito por falta de competência interna, aponta o IDC. O instituto ainda estima que a compra de soluções de segurança baseadas na nuvem crescerão 53% na América Latina, em 2016.
– Durante 2016, mais de dois terços dos projetos de TI terão de mostrar redução de custos, colocando a nuvem e seus componentes Open Source no centro das atenções: por causa da crise econômica, muitas empresas estão sendo obrigadas a reduzir seus custos, o que se torna uma oportunidade para implantação de soluções escaláveis e flexíveis.

– O mercado de Internet das Coisas (IoT) crescerá para US$ 15,6 bilhões em 2020: atualmente, 59% das empresas da região estão avaliando iniciativas de IoT já para 2016.
– Até 2018, um terço das companhias que buscam a transformação digital vão utilizar realidade aumentada/virtual em suas aplicações: embora a computação cognitiva ainda seja novidade, as companhias vão começar a criar soluções inovadoras usando ferramentas como o Watson Analytics da IBM, o Microsoft HoloLens ou o OculusRift para utilizar no ambiente de trabalho.


Fonte: iPNews


  Tecnologia



E-MAILS DO PORTAL JACAREÍ

Anúncios/Cadastros/Contato/Cartas: cidade@jacarei.com.br
Editorial: imprensa@jacarei.com.br
Criação/Arte: agencia@mrpropaganda.com.br

Av. Dr. Mário Galvão, 78 - Centro - São José dos Campos - SP
Telefone: (12) 3923.4600 | Whatsapp: (12) 99713-7333 ou 99712-8419





+ Dicas do Portal
Imagem Aula de Francês Experimental Gratuita, Online ao Vivo, dia 06/07!
+ Espaço do Consumidor
Imagem Locador de imóvel reclama a imobiliária de São José dos Campos o pagamento do IPTU atrasado


 
Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2005 - Todos os direitos reservados