Vista do Villa Branca Website Portal Jacareí Fanpage Portal Jacareí
Home | Cadastre sua Empresa | Créditos                                                                              Quarta, 25 de Novembro de 2020
Logotipo Portal Jacareí
Acesso à página principal


Criação e
Desenvolvimento



Tel. 12 3923.4600
Av. Dr. Mário
Galvão, 78
Centro - SJC/SP
12209-004
BUSCA DE EMPRESAS NO PORTAL >>  
Acesse também: São José dos Campos
O conteúdo publicado não expressa necessariamente a opinião do Portal e é de total responsabilidade do autor.

Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP) promove campanha para zerar número de morte por parada cardíaca no Brasil

( Caderno: Seção Saúde )

Sociedade defende treinamento massivo da população e uso de novas
tecnologias para agilizar o atendimento de primeiros socorros às vítimas que
podem aumentar em 30% as chances de sobrevivência de uma vítima.

 

A Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo – SOCESP - lançou uma campanha para incentivar a população na luta contra mortes por paradas cardiorrespiratórias e conscientizá-la que todas as pessoas podem ajudar a salvar vidas.  Atualmente, no Brasil, ocorrem 720 mortes por parada cardíaca por dia, ou seja, um óbito a cada um minuto e meio, 259 mil vidas perdidas em um ano. O objetivo da SOCESP é reduzir esse número a zero, para isso, a ação contempla também um vídeo repleto de informações sobre ressuscitação cardiopulmonar, além de postagens em mídias sociais.

Publicidade

O presidente da SOCESP, João Fernando Monteiro Ferreira, defende que com a ajuda de todos será possível criarmos um mundo sem parada cardíaca no futuro. “É preciso acreditar que juntos somos mais fortes e que podemos fazer isso. Se treinarmos muitas pessoas para que saibam fazer massagem cardíaca com efetividade até o socorro médico chegar, já aumentaremos em 30% a chance de sobrevivência da vítima. Hoje, a tecnologia de drones também nos permite colocar desfibriladores nesses aparelhos para chegarem mais rápido aos locais necessários, além da existência de aplicativos que mostram pelo GPS onde há Desfibriladores Externos Automáticos, essas ações em conjunto trarão respostas mais ágeis e um atendimento de emergência mais rápido”, destacou Ferreira.

A campanha também ressalta a importância de treinar o sistema de saúde para que os profissionais apliquem imediatamente a ressuscitação cardiopulmonar e a desfibrilação. “A estratégia é derrubar muros, trazendo pessoas que nos ajudem a salvar as vítimas. Com isso o número de hospitalizados pode diminuir, sendo internados apenas aqueles que realmente precisam ser monitorados. Evitar paradas cardiorrespiratórias que não precisam ser resolvidas em hospitais é também o nosso começo. Teremos um modelo de atendimento de ressuscitação para cada paciente, aproveitando a tecnologia mais recente para identificar e tratar as causas, devolvendo esta pessoa viva a sua família”, explicou o coordenador dos Cursos da American Heart Association – AHA na SOCESP, Agnaldo Piscopo, que completou, “sejamos ousados, busquemos o inesperado para que tenhamos um resultado memorável e, assim, começaremos a ver os números diminuírem. Não vai ser rápido, sabemos disso, mas sabemos que toda vida que está sendo salva conta”, concluiu.

Clique aqui para assistir ao vídeo


Fonte: DOC PRESS Comunicação / Foto e Vídeo Divulgação


  Seção Saúde

Isolamento social modifica o comportamento alimentar das mulheres brasileiras, revela estudo da USP



E-MAILS DO PORTAL JACAREÍ

Anúncios/Cadastros/Contato/Cartas: cidade@jacarei.com.br
Editorial: imprensa@jacarei.com.br
Criação/Arte: agencia@mrpropaganda.com.br

Av. Dr. Mário Galvão, 78 - Centro - São José dos Campos - SP
Telefone: (12) 3923.4600 | Whatsapp: (12) 99713-7333 ou 99712-8419





+ Dicas do Portal
Imagem Intensivo de Francês Aliança Francesa Vale do Paraíba - DEZEMBRO!
+ Espaço do Consumidor
Imagem Locador de imóvel reclama a imobiliária de São José dos Campos o pagamento do IPTU atrasado
+ Matérias
Imagem Google fecha acordo com jornais franceses por uso de conteúdo
+ Seção Saúde
Imagem Isolamento social modifica o comportamento alimentar das mulheres brasileiras, revela estudo da USP


 
Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2005 - Todos os direitos reservados